Cirurgia Metabólica (Bariátrica e da Obesidade)

A cirurgia metabólica é uma cirurgia inovadora e constitui uma peça fundamental na abordagem a doentes obesos.

Abordagem Revolucionária

A cirurgia metabólica é uma cirurgia inovadora e constitui uma peça fundamental na abordagem a doentes obesos. Permite uma alteração na cascata hormonal e consequente diminuição do peso. São abordagens revolucionárias que mudam completamente a forma como os indivíduos se relacionam com os alimentos, já que, entre muitos outros efeitos, diminuem a sensação de fome, conferindo, também, uma maior aptidão para comida saudável.

Técnicas e Resultados

São intervenções seguras e rápidas de executar quando realizadas por cirurgiões experientes. Existem diferentes abordagens tendo em conta cada situação clínica. As cicatrizes são praticamente imperceptíveis, havendo a possibilidade da intervenção ser única e exclusivamente feita através do umbigo! O pós-operatório é de recuperação rápida.

Estas intervenções passam por uma remodelação do tubo digestivo, seja ele pela sua redução (sleeve), ou pela alteração da sua arquitetura (bypass). Estas abordagens interferem não só com a quantidade de comida ingerida, mas, também, com a sua absorção.

Sleeve
Tudo isto gera uma cascata de alterações hormonais que levam a uma optimização metabólica. E aqui está o segredo: o metabolismo!
Bypass
Alteração da arquitetura do tubo digestivo

Recuperação e pós-operatório

Tudo isto gera uma cascata de alterações hormonais que levam a uma optimização metabólica. E aqui está o segredo: o metabolismo!  Por este motivo os resultados são mais duradouros com estas cirurgias inovadoras.

Depois da intervenção, os doentes perdem entre 60 a 80% do excesso de peso, revertem muitos dos sintomas que apresentavam inicialmente e, na maioria deles, curam-se as patologias crónicas associadas, como é o caso da diabetes, da hipertensão arterial e da roncopatia (ressonar).

O mais fascinante nisto é que não têm que fazer sacrifícios excessivos, ganham outro ânimo para a vida e gostam mais de si próprios.

CIRURGIA METABÓLICA
Eduardo Lima da Costa